Engordei na quarentena, e agora?

a grande salada emocionalNão sei você, mas eu tive várias fases nessa quarentena: muito medo, tédio, raiva, “vou ver o lado bom”, raiva de novo, frustração, “pelo menos estamos saudáveis”, “sou privilegiada”, “que merda”, um tanto de tristeza, muitos silêncios. Recentemente, estou meio indiferente. Parei de pensar.Mas ontem estava conversando com uma amiga sobre a …